Servo drive – Combivert W6

Servo drive – Combivert W6

Multi inversor KEB COMBIVERT W6 opera exclusivamente para controle de velocidade stepless de motores assíncronos trifásicos.

 

 

 

 


 

O COMBIVERT W6 tem a seguintes características:

  • Redução dos custos unitários
  • Redução dos custos de energia através de uma interligação DC interno
  • Fornecimento Central
  • Proteção do motor separadamente ajustável de acordo com os grupos
  • Dimensões inferiores em relação a unidades individuais
  • Menores custos de cabeamento
  • Acesso BUS para os módulos de energia ocorre através de mudança no controle
  • Controle via QSI-bus implementado
  • Monitoramento BUS QSI
  • Extensa proteção contra sobrecorrente, sobre e subtensão, sobreaquecimento e sobrecarga
  • Prova e de falta a terra à prova de curto-circuito condicional
  • HSP5 programação e interface de diagnóstico

Em funcionamento, os conversores de unidade, dependendo do seu grau de proteção, podem ser vistos sem isolamento, e possivelmente também em movimento de rotação ou de peças, bem como superfícies quentes.
Em caso de remoção inadmissível das coberturas necessárias, de utilização indevida, instalação errada, existe o perigo de ferimentos graves.
Todas as operações que servem de transporte, instalação e comissiona mento, bem como de manutenção devem ser realizadas por técnicos qualificados (Observe IEC 364 ou CENELEC HD 384 ou DIN VDE 0100 e IEC 664 ou DIN / VDE 0110 e acidente nacional de prevenção Ru-les!).
Para os fins destas instruções básicas de segurança, “Técnicos qualificados” significam pessoas que estão familiarizadas com a instalação, montagem, comissiona mento e operação do produto e ter a qualificação e complementos necessários para o desempenho das suas funções.

Uso pretendido

Em caso de instalação em máquinas, comissiona mento do conversor de unidade (ou seja, o ponto de partida da operação normal) é proibido até que o maquinário foi provado em conformidade com as disposições das diretivas 89/392/CEE (Diretiva de Segurança Máquinas – MSD). Conta deve ser tomada de EN 60204.
Comissiona mento (ou seja, o início do funcionamento normal) só é admissível em conformidade com a EMC Directi-ve (89/336/CEE) foi estabelecida.
Os conversores de frequência satisfazem os requisitos da diretiva 73/23/CEE, de baixa tensão. Estão sujeitos às normas harmonizadas da série DIN EN 50178 / VDE 0160 em conjunto com EN 60439-1 / VDE 0660, parte 500, e EN 60146 / VDE 0558.
Os dados técnicos, bem como informações relativas às condições de fornecimento devem ser tomados a partir da placa de identificação e da documentação, devendo ser estritamente observados.

Transporte e armazenagem

As instruções para transporte, armazenamento e uso adequado devem ser cumpridas.
As condições climáticas devem estar em conformidade com a norma EN
50178.

Instalação

A instalação e refrigeração dos aparelhos devem estar de acordo com as especificações da documentação pertinente.
Em particular, não há componentes deve ser dobrado ou isolar distâncias alteradas no decurso de transporte ou manipulação. Nenhum contato deve ser feito com componentes e contactos eletrônicos.
Conversor de unidade contém eletrostáticos sensíveis componentes de que são susceptíveis a danos por uso indevido. Componentes elétricos não deve ser mecanicamente dama – GED ou destruídos (riscos potenciais para a saúde).

Conexão elétrica

Quando se trabalha com conversores de carro ao vivo, as normas de prevenção de acidentes nacionais aplicáveis (por exemplo, VBG 4) devem ser respeitadas.
A instalação elétrica deve ser realizada de acordo com as exigências relevantes (por exemplo, áreas de cross- sec -cional de condutores, proteções, conexão PE). Para mais informações, consulte a documentação.
Instruções para a instalação, de acordo com os requisitos EMC, como blindagem, ligação a terra, localização de filtros e de fiação, estão contidos no conversor da unidade documentação. Eles devem sempre ser respeitados, também para conversores de unidade que ostentam a marcação CE. Observância dos valores-limite exigidos por lei EMC é a responsabili -dade do fabricante da instalação ou máquina.

Operação

Instalações que incluem conversores de carro devem ser equipadas com um controle adicional e equipamentos de proteção, de acordo com a segurança aplicável relevante requisitos, por exemplo, agir respeitando equipamento técnico, normas de prevenção de acidentes, etc.. Alterações nos conversores de unidade, por meio do software de operação são admissíveis.
Quando a desconexão do conversor de acionamento da alimentação voltagem, as peças do aparelho ao vivo e terminais de alimentação não deve ser tocada imediatamente por causa de capacitores possivelmente energizados. A este respeito, os sinais correspondentes e as marcações sobre o conversor de unidade devem ser novamente respeitados.
Durante a operação, todas as tampas e portas devem ser mantidas fechadas.

Manutenção e assistência técnica

Documentação do fabricante deve ser seguida. MANTENHA INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA EM UM LUGAR SEGURO!